Projetos

PDF Imprimir E-mail

2019 – Atual: IMPACTO DO ÓLEO NOS GRUPOS FUNCIONAIS TRÓFICOS DOS MANGUEZAIS E RECIFES DE CORAIS DE PERNAMBUCO E SUA CONSEQUÊNCIA NOS SERVIÇOS ECOSSISTÊMICOS

Descrição: Os ecossistemas litorais de Pernambuco manguezais e recifes de coral, são ambientes físico-químicos particulares, colonizados por uma biota morfo e fisiologicamente adaptada às condições extremas dos ambientes costeiros. Habitats costeiros são globalmente ameaçados e são particularmente sensíveis à perturbação humana na forma de exploração insustentável e pressão do turismo. Esses locais prestam importantes serviços ecossistêmicos, fornecendo alimentos e abrigo para a fauna local e migratória, sendo considerados prioritários para conservação. Além de acolher uma ampla variedade de seres vivos, os ecossistemas costeiros proporcionam serviços essenciais à sobrevivência humana, como alimentos, manutenção do clima, purificação da água, controle de inundações e proteção costeira, além da possibilidade de uso recreativo. As duas vias principais nas quais o óleo causa impactos nos organismos marinhos são o efeito físico resultante do recobrimento e o efeito químico, associado à toxicidade dos compostos presentes. O impacto de derramamento de óleo pode afetar de diferentes maneiras a comunidade bentônica, pode modificar a riqueza, abundância e/ou diversidade, alterando a estrutura da comunidade e afetando seus grupos funcionais, mas também pode afetar parâmetros químicos/físicos ou fisiológicos dos organismos afetados. Este projeto tem como viés central analisar como foram afetados os componentes dos principais ecossistemas costeiros de Pernambuco e como isso afetou os serviços ecossistêmicos, tanto biológicos como socioeconômicos. O design científico do projeto se baseou na escolha dos recursos biológicos que tenham um impacto direto em alguns serviços ecossistêmicos, como por exemplo analisar (química, toxicologia e genotoxicidade) os principais Grupos Funcionais Tróficos de cada ambiente e depois cruzar com espécies que o homem usa tanto para alimento como para pesca, com isso seria avaliado o impacto na saúde alimentar e na economia doméstica; ou analisar o impacto na fisiologia dos principais corais construtores e analisar como isso afeta a constituição dos recifes e seu papel de barrera física de proteção para a costa. Com base em dados ecológicos das praias impactadas coletados antes do impacto do óleo realizaremos uma comparação ecológica das áreas, já que análise das mudanças estruturais das comunidades bentônicas é a forma mais comum para detectar e monitorar os efeitos biológicos da poluição marinha, como derrame de petróleo. Intentaremos fazer uma análise pós-derramamento de petróleo desde um aspecto interdisciplinar já que os impactos são diversos e atingem diferentes protagonistas dos ecossistemas afetados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Miriam Camargo Guarnieri - Integrante / Jeane Claine Albuquerque - Integrante / Cristiano Aparecido Chagas - Integrante / Emerson Peter da Silva Falcão - Integrante / Ralf Cordeiro - Integrante / Maria Luiza V Oliva - Integrante / Silvia Helena Lima Schwamborn - Integrante / Mariana Pinheiro Fernandes - Integrante / Ranilson de Souza Bezerra - Integrante / Rudã Fernandes Brandão Santos - Integrante / Suzana de Oliveira Mangueira - Integrante / Maria da Conceição Cavalcanti - Integrante / Simara Lopes Cruz Damázio - Integrante / Sandra Cristina da Silva Santana - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.

2018 – Atual: RESTAURACÃO E CONSERVAÇÃO DAS POPULACÕES DO CORAL ENDEMICO MUSSISMILIA HARTTII (VERRILL, 1868) NO BRASIL

Descrição: Os recife s de corais brasileiros apresentam uma rica fauna endêmica de corais maciços e as principais espécies construtoras pertencem ao gênero endêmico Mussismilia. M. harttii já foi uma das espécies mais abundantes dos recifes brasileiros ocorrendo desde a costa de Rio Grande do Norte ao estado de Espírito Santo. A presente proposta é uma continuidade do projeto aprovado pela Fundação Grupo Boticário (proposta 201510009) que encerrou no 31 de agosto de 2017, no qual foi constatado que a espécie esta em claro declínio populacional e foi colocada EM PERIGO segundo os critérios IUCN, mas em algumas regiões já esta extinta. Este projeto é uma medida emergencial que visa salvar a principal espécie construtora recifal do Brasil e para isso são propostas ações a curto e longo prazo. A curto prazo avaliar a diversidade gênica das populações de para analisar o potencial de sobrevivência das mesma e realizar duas ações que visem recuperar as populações danificadas: (1) fortalecimento de colônias instáveis e (2) um programa de repovoamento em áreas que tiveram a espécie mas que já não são encontradas, através da colocação de mudas de colônias de outras áreas adjacentes. Para este repovoamento seriam utilizados pólipos tombados vivos no substrato, já sentenciados a morte. A longo prazo implementar um programa de monitoramento das populações com uma amostragem periódica dos fatores abióticos que foram comprovados como os principais atuantes no declínio populacional (sedimentação e pH)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Ralf Cordeiro - Integrante / Gislaine Vanessa de Lima - Integrante / Arley Candido da Silva - Integrante / Lidia Maria da Silva Pereira - Integrante / CARLA ZILBERBERG - Integrante / GERLAINE AMARA DA SILVA - Integrante.
Financiador(es): Fundação O Boticário de Proteção à Natureza - Auxílio financeiro.

2018 – Atual: DRONECO: USO DE VEÍCULOS NÃO TRIPULADOS (VANTS) NA CONSERVAÇÃO DE AMBIENTES RECIFAIS

Descrição: Desenvolver metodologias inéditas e não destrutivas através de protocolos operacionais com uso de VANTs (drones) que possam contribuir na conservação e fiscalização de recifes costeiros no Brasil.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Pedro Cipresso Pereira - Integrante / ANNY KELI APARECIDA ALVES CÂNDIDO - Integrante / ANTONIO VITOR FARIAS DE PONTES - Integrante / DHONATAN DIEGO PESSI - Integrante / Maíra Guarlot Weis - Integrante / NORMANDES MATOS DA SILVA - Integrante / SUZANA MARIA GICO LIMA MONTENEGRO - Integrante / PEDRO LOPES MIRANDA JUNIOR - Integrante.
Financiador(es): Fundação O Boticário de Proteção à Natureza - Auxílio financeiro.

2015 – 2017: AVALIAÇÃO DO ESTADO DE CONSERVAÇÃO DO CORAL ENDÊMICO MUSSISMILIA HARTTII (VERRILL, 1868) (CNIDARIA: ANTHOZOA) NO BRASIL


Projeto certificado pela empresa ECOASSOCIADOS em 25/06/2015.

Descrição: Levantamento das populacoes do coral endemico brasileiro Mussismilia harttii e avaliacao do estado de conservacao da mesma atraves da analises de parametros populacionais (densidade das colonias, tamanho e numero de polipos) e estado de saude das colonias (percentagem de branqueamento, fragilidade dos esqueletos). Correlacao dos parametros bioticos e abioticos para tentar descobrir a causa do declinio das populacoes do coral no Nordeste brasileiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Ralf Cordeiro - Integrante / Gislaine Vanessa de Lima - Integrante / Arley Candido da Silva - Integrante / Lidia Maria da Silva Pereira - Integrante / Thyara Noely Simões - Integrante.
Financiador(es): Fundação O Boticário de Proteção à Natureza - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1

2015 – Atual: TAXONOMIA INTEGRATIVA DOS CNIDÁRIOS BENTÔNICOS DO NORTE-NORDESTE DO BRASIL. INVENTARIO FAUNÍSTICO E COLEÇÕES DE REFERÊNCIA.

Descrição: O filo Cnidaria apresenta grande diversidade e inclui corais, hidróides, medusas, gorgônias e anêmonas-do-mar, a maioria é de vida marinha, com exceção de algumas espécies dulcícolas. O filo está dividido em cinco classes: Anthozoa (anêmonas-do-mar, zoantídeos, octocorais e corais), Cubozoa (medusas em forma de cubo), Scyphozoa (cifomedusas), Hydrozoa (hidromedusas, hidras e hidróides) e Staurozoa (medusas penduculadas). No mundo existem mais de 10.000 espécies de Cnidários conhecidas, no entanto, o Brasil só abriga 10% dessa riqueza. Dentro do filo, as classes que formam o grupo Medusozoa (todas, exceto Anthozoa) são melhores conhecidas e contam com um número maior de especialistas no país. Já alguns grupos de antozoários são ainda menos conhecidos como os octocorais (3% das espécies mundiais) ou os actiniários e os zoantídeos (4%). Já dentro da Classe Hydrozoa, os hidróides são representantes bentônicos da Classe e tem ainda poucos estudos realizados sobre o grupo no norte e nordeste do país. A diversidade de cnidários bentônicos no Brasil é inferior a esperada, especialmente por se tratar de um país tropical com mais de 8000 km de costa. A explicação para isso tem duas vertentes. Primeiramente o pequeno número de especialistas trabalhando na Taxonomia do grupo. No Brasil, os estudos tiveram início na década de 1960 e ficaram concentrados, a princípio no sudeste. Posteriormente, importantes trabalhos foram desenvolvidos na Bahia, em Pernambuco e em algumas ilhas oceânicas. Os demais estados, tiveram poucos estudos isolados. Atualmente, a grande maioria dos grupos de pesquisas que focam na taxonomia de cnidários está concentrada no sul e sudeste. Existe apenas um grupo de pesquisa atuando no tema no Nordeste (Grupo de Pesquisa em Antozoários, coordenado pelo proponente deste projeto). A segunda razão para a baixa diversidade de cnidários é a má distribuição geográfica das pesquisas e em relação aos habitas. Ambientes como estuários, mar profundo e fundos inconsolidados, foram muito pouco explorados, resultando no registro de poucas espécies para estas áreas. Da mesma forma, algumas regiões do país estão subamostradas, como a região costeira da Amazônia. De forma geral a região Norte do país é a menos conhecida, seguida do Nordeste (com exceção dos estados de Pernambuco e Bahia). Diante desta situação, o presente projeto visa ampliar o conhecimento dos cnidários bentônicos nas regiões Norte e Nordeste e fortalecer a taxonomia do grupo no país, através da formação de recursos humanos e a ampliação da representação deste grupo em coleções científicas no norte-nordeste. Para tanto, serão realizadas coletas na costa dos estados pouco estudados. Além desse material, serão estudados também lotes que se encontram sob responsabilidade do proponente coletados em mar profundo (oriundos de projetos de monitoramento de Bacias petrolíferas da PETROBRAS e do Programa REVIZEE). Também serão visitadas coleções científicas como a do Museu Nacional e da USP em busca de exemplares ainda sem identificação (já foi verificada a existência de diversos lotes), bem como de instituições científicas que mantém exemplares. A abordagem será através da taxonomia integrativa, unindo caracteres morfológicos, moleculares e reprodutivos. Para tanto, será estudado o ciclo de vida de algumas espécies chave. Também será avaliado o uso de morfometria geométrica na taxonomia do grupo. Serão elaboradas chaves de identificação das principais famílias e será organizada uma coleção de referência para cnidários do Norte e Nordeste. Para tanto, os exemplares coletados serão depositados na coleção do Museu Oceanográfico da UFPE e a coleção será integrada a sistemas de acesso público. Também serão detectadas espécies exóticas e aquelas de interesse para o ser humano (farmacológica, biorremediadora, bioindicadora)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (3) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Cristiano Aparecido Chagas - Integrante / André C. Morandini - Integrante / Stephen Cairns - Integrante / Alvaro Migotto - Integrante / antonio Carlos Marques - Integrante / Antonio Mateo Sole Cava - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 5

2013 – 2018: BIOREEF- BIOPROSPECÇÃO DE COMPOSTOS BIOATIVOS DE ORGANISMOS RECIFAIS COM POTENCIAL APLICAÇÃO BIOTECNOLÓGICA

Descrição: A ideia primaria do projeto em rede BioReef foi a de unificar esforços com a finalidade de fazer uma bioprospecção de compostos bioactivos de cnidários e poríferos recifais com o intuito de ter uma visão farmacológica e toxicológica geral de cada organismo, já que geralmente os trabalhos realizados nessas áreas são partidos e isolados, abordando um único aspecto da farmacologia do animal. A nossa ideia diferencial é estudar cada animal coletado desde seu status taxonômico (identificação morfológica e molecular), seu papel ecológico e a bioquímica de suas moléculas testando a sua identidade assim como as suas diferentes atividades farmacológicas e toxicológicas. Essa abordagem multidisciplinar de estudo de cada lote coletado permitira integrar os conhecimentos referentes a biológica, ecologia e bioquímica de cada organismo, visando obter resultados que outorguem respostas sinergéticas sobre as diversas atividades encontradas nos diferentes compostos. Os resultados de cada projeto associado serão complementares aos dos demais projetos obtendo uma visão holística de cada animal que nos ajudará a entender o real papel desses organismos no ecossistema que eles habitam..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (6) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Gandhi Rádis Baptista - Integrante / Rachel Rezende - Integrante / Eloir Schenkel - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 15 / Número de orientações: 2

2012 – 2015: INVENTARIO FAUNÍSTICO E REVISÃO TAXONÔMICA COM APLICAÇÃO DE TÉCNICAS MORFOMOLECULARES DOS CNIDÁRIOS ANTOZOÁRIOS DO NORTE/NORDESTE BRASILEIRO

Descrição: O grupo dos cnidários antozoários é um grupo com grandes deficiências no conhecimento de sua diversidade, principalmente na escassez de especialistas, assim como em trabalhos taxonômicos integrativos. A região Norte-Nordeste do Brasil conta com apenas um grupo que trabalha com a taxonomia deste grupo o qual faz com que a biodiversidade este subestimada nestas regiões. Com o intuito de melhorar o conhecimento da biodiversidade dos antozoários, o presente projeto tem como objetivos: a) inventariar as espécies de cnidários antozoários das regiões Norte e Nordeste do Brasil b) revisar taxonomicamente os grupos conflitantes mediante ferramentas morfo-moleculares c) comparar morfo-molecularmente as espécies caribenho-brasileiras de situação taxonômica conflitante d) identificar os lotes não determinados depositados em museus e coleções das regiões Norte e Nordeste do Brasil e) elaborar chaves de identificação das famílias dos cnidários bentônicos marinhos das regiões Norte e Nordeste do Brasil f) detectar a presença de espécies exóticas g) identificar as espécies de especial importância para o homem (farmacológica, biorremediadora, bioindicadora) h) capacitar e formar recursos humanos em taxonomia de Cnidaria i) capacitar recursos humanos em técnicas taxonômicas e uso de microscopia eletrônica Os cnidários antozoários são o principal representante nos recifes costeiros brasileiros e o conhecimento da biodiversidade do grupo fornecerá ferramentas concretas para a realização de programas de proteção e gestão ambiental, principalmente em áreas de elevado efeito antropico pelo turismo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / Juan Sánchez - Integrante / Janine Farias da Silva - Integrante / Rodrigo Torres - Integrante / Gomes, Paula B. - Integrante / José Eduardo Garcia - Integrante / Erika Maria Silva Freitas - Integrante / Cristiano Aparecido Chagas - Integrante / Erica Patricia de Lima - Integrante / Oliveira, DHR - Integrante / Felipe Ferreira Campos - Integrante / Ralf Cordeiro - Integrante / Manuela Menezes - Integrante / Gislaine Vanessa de Lima - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.Número de orientações: 4

2012 – 2013: PORIFEROS E CNIDARIOS DO NORTE-NORDESTE DO BRASIL.

Descrição: Esponjas (Filo Porifera) e antozoários (Cnidaria) são organismos abundantes na costa brasileira desde águas rasas até grandes profundidades. Não obstante seu conhecimento taxonômico ainda é escasso em algumas áreas como o Norte e o Nordeste, em especial, para áreas oceânicas. Apesar disso, são poucos os especialistas em taxonomia dedicados a estes grupos. Em ambos os grupos o contingente humano atual não atinge sequer uma dezena de pesquisadores efetivamente alocados em instituições de pesquisa/ensino. Estes táxons também carecem de listas taxonômicas, chaves de identificação, além de carecer de algumas revisões de famílias para esclarecer a sistemática do grupo. Por outro lado, grande quantidade de material biológico destes grupos encontra-se depositados em coleções científicas ou simplesmente guardados em instituições de ensino e pesquisa. Desta forma, a presente proposta visa a formação de recursos humanos em taxonomia de Porifera e Cnidaria (Antozoários) para ampliar o conhecimento nestes importantes táxons e fortalecer os grupos de pesquisa que fazem parte deste projeto. Estes grupos já vêm atuando no norte e nordeste havendo contribuído significantemente para o conhecimento da diversidade de esponjas e cnidários antozoários destas regiões. Os objetivos do projeto são: 1)inventariar as espécies de poríferos e cnidários bentônicos marinhos das regiões Norte e Nordeste do Brasil; 2) revisão taxonômica de grupos conflitantes mediante ferramentas morfo-moleculares; 3)teste de metodologia de morfometria geométrica na avaliação de estruturas taxonômicas chaves (espículas para esponjas e escleritos para octocorais); 4)identificação de lotes não determinados depositados em museus e coleções das regiões Norte e Nordeste do Brasil; 5)elaboração de chaves de identificação das famílias dos poríferos e cnidários bentônicos marinhos das regiões Norte e Nordeste do Brasil; 6)detecção de espécies exóticas.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / Rodrigo Torres - Integrante / Gomes, Paula B. - Integrante / Erika Maria Silva Freitas - Integrante / Cristiano Aparecido Chagas - Integrante / Ulysses Pinheiro - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.Número de orientações: 4

2011 – 2013: ADAPTAÇÃO E SOBREVIVÊNCIA A ESTRESSE AMBIENTAL EM ECOSSISTEMAS TEMPERADO E TROPICAL

Descrição: Projeto de cooperacao internacional com Portugal (edital CNPq/FCT) Neste projeto procurar-se-á responder às seguintes questões principais: (1) É possível estabelecer um programa de monitoramento de qualidade ambiental científica para ecossistemas costeiros localizados em zonas climáticas diferentes utilizando os mesmos bioensaios em laboratório e in situ? (2) Quando e sob quais circunstâncias um efeito bioquímico, genético, fisiológico e comportamental é importante o suficiente para ser considerada no contexto da análise de risco? (3) As respostas dos parâmetros ecotoxicológicos (enzimáticas e moleculares, histológicas, histoquímicas e comportamentais) são diferentes com base em diferenças na toxicidade no ambiente de clima temperado e tropical? (4) As respostas (intensidade e natureza) observadas são semelhantes nas espécies representativas dos diferentes ecossistemas? (5) As biomoléculas envolvidas nos processos de adaptação e sobrevivência aos diferentes ambientes marinhos (Temperado e Tropical) serão semelhantes? Neste projeto serão comparados resultados de 4 espécies de cnidários antozoários, as anêmonas-do-mar Actinia equina e Anemonia sulcata (Costa Portuguesa), Bunodosoma cangicum e o zoantídeo Palythoa caribaeorum (Costa Brasileira). Serão realizados testes ecotoxicológicos fisiológicos e comportamentais com as espécies selecionadas para o desenvolvimento de metodologias que pretendem determinar a importância das defesas químicas para as relações ecológicas e suas implicações na distribuição dos organismos na estruturação de comunidades marinhas. Por outro lado procurará efetuar a identificação de biomoléculas envolvidas nesses processos de adaptação e sobrevivência aos diferentes ambientes marinhos (Temperado e Tropical). Também irá avaliar os efeitos agudos e crônicos da exposição a poluentes (Mercúrio e POPs) analisando se os parâmetros (enzimáticos, histológicos, histoquímicos e comportamentais) das populações que vivem em condições ambientais estressa.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (4) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Andre Mauricio Santos - Integrante / Janine Farias da Silva - Integrante / LIANY FIGUERÊDO DE ANDRADE MELO - Integrante / Juliana Rodrigues Gadelha - Integrante / Erika Maria Silva Freitas - Integrante / Cristiano Aparecido Chagas - Integrante / Fernando Manuel Raposo Morgado - Integrante / Amadeu Mortagua Velho da Maia Soares - Integrante / Sizenando Nogueira de Abreu - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Cooperação.Número de orientações: 1

2010 – 2015: PORIFEROS E CNIDARIOS DO NORTE-NORDESTE DO BRASIL. INVENTARIO FAUNISTICO E REVISAO TAXONOMICA COM APLICACAO DE TECNICAS MORFO-MOLECULARES

Descrição: Programa que visa a formacao de taxonomos em dois grupos que necessitam a formacao de recursos humanos, dada a escassez presente no Brasil. O projeto tem com objetivos o levantamento faunisitico dos poriferos e cnidarios bentonicos das regioes Norte e Nordeste do Brasil, assim com revisar taxonomicamente os grupos conflitantes e realizar um checklist dos grupos nessas regioes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Rodrigo Torres - Integrante / Ulysses Pinheiro - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 2

2010 – 2012: PROPOSTA DE BOLSA DE APOIO TÉCNICO - EDITAL N°10, CNPq.

Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / Leonardo Vieira Bruto da Costa - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.

2010 – 2012: ECOLOGIA DA MACROFAUNA BENTÔNICA NA ANÁLISE DOS IMPACTOS AMBIENTAIS ASSOCIADOS AO TURISMO EM PORTO DE GALINHAS (PE): SUBSÍDIOS PARA A GESTÃO DOS ECOSSISTEMAS RECIFAIS.

Descrição: Objetivo Geral - Avaliar os efeitos do pisoteio de turistas sobre a comunidade macrobentônica dos recifes de Porto de Galinhas Objetivos Específicos - Determinar o efeito do pisoteio de turistas na composição e na variação espaço-temporal da comunidade macrobentônica dos recifes de Porto de Galinhas - Identificar espécies chaves na avaliação das condições do ecossistema recifal - Determinar o efeito do pisoteio de turistas na morfologia, microanatomia, alimentação e distribuição espaço-temporal dos zoantídeos Palythoa caribaeorum e Zoanthus sociatus em Porto de Galinhas - Avaliar espaço-temporalmente a taxa de branqueamento de cnidários e sua relação com o turismo na área estudada - Quantificar a taxa de crescimento de Palythoa caribaeorum e compará-la entre a área com ação do pisoteio e aquela sem acesso aos turistas - Analisar o efeito do pisoteio de turistas nas interações competitivas entre os representantes mais abundantes do macrobentos recifal - Avaliar a recuperação da comunidade macrobentônica na área fechada ao acesso de turistas para avaliar sua efetividade - Avaliar se o octocoral Carijoa riisei nos recifes de Porto de Galinhas funciona como engenheiro ecossistêmico garantindo uma maior riqueza de espécies onde está presente.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Integrante / PAULA BRAGA GOMES - Coordenador / Andre Mauricio Santos - Integrante / Moacyr Cunha de Araujo Filho - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.Número de orientações: 5

2009 – 2010: EDITAL PQ-MULTIUSUÁRIOS 2009, PROPESQ-UFPE

Descrição: Projeto de carater multidisplinar que agrupa a varios pesquisadores que formam parte do Grupo de Pesquisa BIONE-Grupo de Biodiversidade do Nordeste, e tem com fim contribuir com recursos para o andamento das pesquisas do grupo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (15) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / Andre Mauricio Santos - Integrante / Angelica Kazue Uejima - Integrante / Augusto César Pessoa Santiago - Integrante / Diego Henrique Leonel de OIiveira Costa - Integrante / Daniela Castiglione - Integrante.
Financiador(es): Universidade Federal de Pernambuco - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 12

2008 – 2011: ESTUDO ECOLOGICO, MOLECULAR E FARMACOLOGICO DO ZOANTIDEO Palythoa caribaeorum (CNIDARIA, ANTHOZOA) (FACEPE APQ 2008)

Descrição: Este é um projeto multidisciplinar que visa um importante avanço no conhecimento do zoantídeo Palythoa caribaeorum, abrangendo os campos da biologia, ecologia, morfologia, farmacologia e toxicologia. Este zoantídeo tem presença marcante no litoral pernambucano e o seu muco vem sendo utilizado há anos pelos pescadores locais no tratamento contra dor, sangramento e infecção de feridas abertas. Diferentes resultados já obtidos por nós corroboram com os relatos populares e confirmam a riqueza farmacológica do muco. Este cnidário, de ampla distribuição mundial, é conhecido apenas pela presença da palitoxina, um inibidor da Na+/K+-ATPase e indutor de poros permeáveis a cátions nas membranas plasmáticas. Até o momento, os estudos realizados pelo nosso grupo demonstram a ausência desta toxina nas amostras de muco ou tecido do P. caribaeorum obtidas no litoral pernambucano, reforçando ainda mais o potencial farmacológico benéfico deste material. No intuito de obtermos uma visão integradora da espécie em estudo, neste projeto serão avaliadas a) os dados ecológicos, a morfológica e a histologia de colônias normais e branqueadas coletadas em 3 praias do litoral sul pernambucano apresentando diferentes condições ambientais e nas quais os organismos estudados estão submetidos a interações ecológicas distintas; b) a variabilidade geográfica e sazonal da toxicidade e do perfil proteico dos mucos normais e branqueados coletados destas mesmas colônias; c) a microbiota destes mucos, usando para este fim ferramentas de metagenômica; e d) A composição de proteínas expressas pelas colônias, via screening de bibliotecas de cDNA, incluindo proteínas da classe das tachylectinas envolvidas na resposta imune deste animal. Além disso, será explorado o potencial farmacológico dos diferentes mucos, com enfase na purificação de inibidores proteicos e identificação das classes de proteínas alvo e purificação das glicoproteínas aglutinantes, sendo estas provavelmente lectinas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (11) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Diego Henrique Leonel da Costa - Integrante / LIANY FIGUERÊDO DE ANDRADE MELO - Integrante / Rodrigo Torres - Integrante / Gandhi Rádis Baptista - Integrante / Jeane Claine Albuquerque - Integrante / José Eduardo Garcia - Integrante / Erika Maria Silva Freitas - Integrante / Cristiano Aparecido Chagas - Integrante / Emerson Peter da Silva Falcão - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1

2008 – 2010: ESTUDO ECOLOGICO INTEGRADO DOS CNIDÁRIOS BENTÔNICOS DO LITORAL DE PERNAMBUCO (CNPq UNIVERSAL 2008)

Descrição: O presente projeto irá contemplar estudos de natureza ecológica envolvendo algumas das principais espécies de cnidários bentônicos do estado de Pernambuco, avaliando sua zonação e distribuição espaço-temporal, ecologia trófica e estudo das comunidades associadas aos cnidários. Para o seu desenvolvimento o projeto será dividido em sub-projetos, os quais terão a participação de alunos de graduação e pós-graduação. Os resultados obtidos serão integrados visando obter uma melhor compreensão sobre o funcionamento da comunidade bentônica no ecossistema marinho costeiro. Objetivo Geral - ampliar o conhecimento sobre a ecologia de cnidários bentônicos no litoral pernambucano Objetivos Específicos - Avaliar a potencialidade do octocoral Carijoa riisei como engenheiro ecossistêmico em ambientes recifais em Pernambuco. - Identificar a dieta das principais espécies de cnidários bentônicos em populações de Pernambuco, analisando as variações sazonais, relações com tamanho e disponibilidade de presas e a importância relativa de cada presa; - Avaliar a importância dos cnidários bentônicos nas redes tróficas em águas rasas e na transferência de energia entre o domínio pelágico e o bentônico; - Realizar uma caracterização fisionômica (paisagística) das principais praias do litoral de Pernambuco; - Descrever a zonação da fauna macrobentônica das principais praias de Pernambuco, com especial ênfase nos cnidários, relacionando, em especial, com gradientes de umectação e de pressão antrópica e considerando variações espaço-temporais.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Diego Henrique Leonel da Costa - Integrante / Andre Mauricio Santos - Integrante / Barbara de Moura Neves - Integrante / Ericka Wanderlei Brasil - Integrante / Maria Elizabeth Araujo - Integrante / Leonardo Vieira Bruto da Costa - Integrante / Debora Cavalcanti da Costa - Integrante / Liliana do Carmo Nascimento - Integrante / Felipe Ferreira Campos - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 2

2007 – 2009: INVERTEBRADOS MARINHOS DO PROJETO REVIZEE-NE (I-IV)

Descrição: Identificação taxonômicas dos cnidários antozoários coletados no programa REVIZEE Nordeste.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante.
Financiador(es): PETROBRAS - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 3

2007 – 2009: ECOLOGIA E TOXINOLOGIA DE INVERTEBRADOS MARINHOS DO NORDESTE BRASILEIRO

Descrição: OBJETIVOS Geral: - Realizar um estudo integrado da ecologia e farmacologia de organismos marinhos da costa do Nordeste brasileiro. Específicos: 1) Determinar e correlacionar estrutura e função de algumas famílias de biomoléculas de organismos marinhos, sobretudo invertebrados. 2) Entender os mecanismos de ação dessas moléculas. 3) Interpretar as relações ecológicas existentes por meio de abordagem farmacológica e molecular. 4) Transferir o conhecimento gerado pela pesquisa básica em Toxinologia Molecular Marinha para o campo da Zoologia, Ecologia e o setor Biotecnológico de insumos de terapêutica, de diagnóstico e de novos fármacos. 5) Utilizar os produtos naturais com potencial terapêutico obtidos como possíveis fármacos de interesse biomédico. 6) Ampliar o conhecimento sobre a toxinologia, farmacologia e ecologia dos organismos marinhos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Integrante / PAULA BRAGA GOMES - Coordenador / Lourinalda Luiza Dantas da Silva - Integrante / Miriam Camargo Guarnieri - Integrante / Claudio Camara - Integrante / Gandhi Rádis Baptista - Integrante / Jeane Claine Albuquerque - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 4

2006 – 2008: BIODIVERSITY MONITORING IN BRAZILIAN SUNKEN SHIPS AND EDUCATIONAL PROGRAM FOR DIVERS USING RECREATIONAL HABITATS.

Descrição: Levantamento da biodiversidade bentônica de tres naufragios artificais da costa de Pernambuco (Servemar X, Lupus e Minuano) Oferecer um programa educacional para os mergulhadores que usam habitats recreativos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / GABRIEL NESTOR GENZANO - Integrante / Bruno Gustavo Santos Tenorio da Silva - Integrante / Diego Henrique Leonel da Costa - Integrante / Mucio Banja - Integrante / Patricia Coelho - Integrante.
Financiador(es): AWARE FOUNDATION - Auxílio financeiro.

2006 – 2008: ECOLOGIA DE CNIDÁRIOS BENTÔNICOS DO LITORAL DE PERNAMBUCO

Edital MCT/CNPq 02/2006 - Universal

Descrição: OBJETIVOS Objetivo Geral - ampliar o conhecimento sobre a ecologia de cnidários bentônicos no litoral pernambucano Objetivos Específicos - Conhecer a abundância, padrão de distribuição e variações espaço-temporais das principais espécies de cnidários bentônicos em Pernambuco, relacionando, em especial, com gradientes de umectação e de pressão antrópica; - Descrever a estrutura da comunidade associada a algumas espécies de cnidários bentônicos no litoral de Pernambuco e suas relações ecológicas - Identificar a dieta das principais espécies de cnidários bentônicos em populações de Pernambuco, analisando as variações sazonais, relações com tamanho e disponibilidade de presas e a importância relativa de cada presa; - Avaliar a importância dos cnidários bentônicos nas redes tróficas em águas rasas e na transferência de energia entre o domínio pélagico e o bentônico.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Andre Mauricio Santos - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 12 / Número de orientações: 5

2005 – 2008: HIDROMEDUSAS DO NE BRASILEIRO, TAXONOMIA E DISTRIBUÇÃO DAS PRINCIPAIS ESPECIES

Descrição: Identificar as medusas da coleção do Depto. de Oceanografia de inúmeras campanhas oceanograficas desde a decada do 70. O projeto visa a formação de dois especialistas em taxonomia de hidromedusas, grupo que carece de especialistas nas regiões Norte e Nordeste..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / GABRIEL NESTOR GENZANO - Integrante / SIGRID NEUMANN LEITAO - Integrante / Hermes Mianzan - Integrante / Maria Eduarda Lacerda de Larrazabal - Integrante.

Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 2

2004 – 2006: FARMACOLOGIA, QUÍMICA E TOXICOLOGIA DOS CNIDARIOS DO NORDESTE BRASILEIRO, COM POTENCIAL APLICAÇÃO BIOTECNOLÓGICA.

Descrição: OBJETIVOS Geral: - Explorar a riqueza em biomoléculas dos organismos marinhos da costa do Nordeste brasileiro, com foco no potencial farmacológico e industrial destes produtos, e ainda elucidar as correlações existentes entre a síntese de produtos ativos e a ecologia das espécies estudadas. Específicos: 1) Determinar e correlacionar estrutura e função de algumas famílias de biomoléculas de organismos marinhos, sobretudo invertebrados. 2) Entender os mecanismos de ação dessas moléculas. 3) Interpretar as relações ecológicas existentes por meio de abordagem farmacológica e molecular. 4) Transferir o conhecimento gerado pela pesquisa básica em Toxinologia Molecular Marinha para o campo da Zoologia, Ecologia e o setor Biotecnológico de insumos de terapêutica, de diagnóstico e de novos fármacos. 5) Avaliar o uso dos produtos naturais com potencial terapêutico obtidos como possíveis fármacos de interesse biomédico. 6) Ampliar o conhecimento sobre a toxinologia, farmacologia e ecologia dos organismos marinhos. 1) Identificação química do muco e da colônia de P. caribaeorum 2) Analise toxicológica do muco e da colônia de P. caribaeorum, mediante a realização de testes antinflamatórios, analgésicos e cicatrizantes em camundongos e ratos 3) Detecção e purificação da toxina palitoxina em diferentes espécies de zoantídeos. 4) Comparação química das espécies de zoatídeos intermareais em praias com fatores abióticos diferentes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / PAULA BRAGA GOMES - Integrante / Cleide Albuquerque - Integrante / CAROLINA LOURDES RODRIGUES de SOUZA SOARES - Integrante / Lourinalda Luiza Dantas da Silva - Integrante / LIANY FIGUERÊDO DE ANDRADE MELO - Integrante / Dayseane G. da Silva - Integrante / Claudio Camara - Integrante / Gandhi Rádis Baptista - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 5

2004 – 2005: PROJETO MULTIDISCIPLINAR E INTEGRADO DOS ZOANTÍDEOS (CNIDARIA, ANTHOZOA) DO LITORAL PERNAMBUCANO BIODIVERSIDADE, FARMACOLOGIA E IMPACTO AMBIENTAL.

Descrição: O projeto de pesquisa envolvido no presente plano de trabalho se titula ?Projeto multidisciplinar e integrado dos zoantídeos (Cnidaria, Anthozoa) do litoral pernambucano. Biodiversidade, farmacologia e impacto ambiental?. Porque estes três aspectos reunidos em um só projeto? Todo programa que vise o estudo aplicado de algum aspecto de qualquer taxa deve ter um conhecimento concreto e forte da sistemática do grupo o que levará a ter um bom conhecimento da diversidade na área estudada. A biodiversidade dos zoantídeos do litoral pernambucano está pobremente conhecida, e é de soma importância conhecer as espécies que habitam as costas de esse estado dado que os zoantídeos são os invertebrados mais representativos dos recifes costeiros de Pernambuco. Dentro das espécies de zoantídeos que habitam a região de estudo se encontra Palythoa caribaeorum, popularmente conhecida como ?baba-de-boi?. Este zoantídeo é o mas abundante, ocupando extensas regiões dos costões rochosos. O caracter colonial e sua abundância convertem esta espécie em um alvo interessante para estudos de química ecológica e de impacto ambiental, além de que o muco produzido por este animal é utilizado pelos pescadores e jangadeiros como analgésico e cicatrizante local. Por tal motivo se pretende identificar quimicamente a colônia de P. caribaeorum, procurando diferencias entre o muco e a colônia mesma, e testar os extratos produzidos procurando atividade analgésica e cicatrizante. Estas colônias formam extensos tapetes que albergam uma rica comunidade animal e vegetal associada por baixo dos mesmos. Analisando a abundância e diversidade dessa comunidade comparativamente em diferentes locais com diferente pressão antrópica se tentara avaliar o possível uso indireto do zoantídeo como bioindicador ambiental da ação do homem. Assim, serão contemplados três aspectos da biologia dos zoantídeos com um único esforço amostral, graças ao caracter multidisciplinar do equipe executor..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / Rejane Maria Lira da Silva - Integrante / CAROLINA LOURDES RODRIGUES de SOUZA SOARES - Integrante / Diego Henrique Leonel da Costa - Integrante / Maria Bernadete Maia - Integrante / Lourinalda Luiza Dantas da Silva - Integrante / Andre Mauricio Santos - Integrante / LIANY FIGUERÊDO DE ANDRADE MELO - Integrante / Claudio Camara - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 8

2002 – Atual: OCTOCORAIS DA COLEÇÃO DE INVERTEBRADOS DO DEPARTAMENTO DE OCEANOGRAFIA DA UFPE

Descrição: Identificação dos exemplares de octocorais da coleção de invertebrados do Depto. de Oceanografia da UFPE.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador.

Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3

1995 – Atual: SISTEMÁTICA E TAXONOMIA DOS OCTOCORAIS DO ATLÂNTICO SUL-OCIDENTAL.

Descrição: Estudo da sistemática e filogenia dos octocorais do Oceáno Atlântico Sul-ocidental.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Carlos Daniel Pérez - Coordenador / MAURICIO OSCAR ZAMPONI - Integrante / Barbara de Moura Neves - Integrante / Oliveira, David Henrique - Integrante / Ralf Cordeiro - Integrante.
Financiador(es): Universidade Nacional de Mar del Plata - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 32 / Número de orientações: 1