O Projeto

PDF Imprimir E-mail

PROJETO MEMÓRIA ACADÊMICA DA FACULDADE DE DIREITO DO RECIFE NO SÉCULO XIX

(Período de execução: fev. de 2016 a jan. de 2017)

  O Projeto Memória Acadêmica da Faculdade de Direito do Recife propõe contribuir com a política de preservação do patrimônio cultural da Faculdade de Direito do Recife (FDR). Em sua primeira etapa de execução (2016/2017), concentra esforços em torno de documentos que reúnem a memória acadêmica e histórica da FDR depositada no acervo da Coleção Especial da Biblioteca do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade Federal de Pernambuco.

Visa, ao final, dar acesso a parte do acervo histórico da Faculdade de Direito do Recife por meio da realização de ações de conservação, inventário, catalogação e digitalização das obras auxiliares ao ensino jurídico na Faculdade de Direito do Recife – CCJ / UFPE no século XIX. Realizado o projeto, a Universidade Federal de Pernambuco e o Centro de Ciências Jurídicas cumprirão com a sua responsabilidade legal e social de disponibilização, acesso e conservação do bem público e da memória documental, histórica e cultural da mais antiga escola jurídica do Norte do Brasil, a Faculdade de Direito do Recife, levando ao acesso de todos de parte da memória acadêmica, intelectual e histórica que o Curso Jurídico exerceu ao longo dos seus quase 190 anos de atividades em nosso País.

Depositária da coleção de obras raras e valiosas da Universidade Federal de Pernambuco a Biblioteca, desde a sua criação em 1830, muito tem contribuído para a formação do cenário jurídico e intelectual brasileiro. Muitas foram as personalidades que frequentaram as suas salas de aula, entre outros tantos juristas, filósofos, poetas e políticos. Dentre os títulos de livros já catalogados na Biblioteca merece destaque “Lista geral dos bachareis e doutores que tem obtido o respectivo grau na Faculdade de Direito do Recife: desde sua fundação em Olinda, no anno de 1828, até o anno de 1931” que encontra-se digitalizada e disponível para acesso remoto no Repositório Institucional da UFPE.

O atual estado de conservação das coleções requer cuidados indispensáveis que retardem os efeitos nocivos causados pelo tempo, pelo clima, pelos micro-organismos e as atuais condições de guarda. Muitos dos documentos não possuem condições de manuseio e, neste ínterim, a reprodução em meio digital visa contribuir com a longevidade, conservação, salvaguarda e manutenção desses suportes por evitar o manuseio.

Nesse sentido o projeto pretende contribuir, através do envolvimento interdisciplinar entre alunos da Universidade Federal de Pernambuco (Direito, História, Biblioteconomia e Museologia), com a preservação e acesso público à parte do acervo bibliográfico histórico da Faculdade de Direito do Recife por meio da realização de ações de conservação e digitalização de compêndios, programas de ensino e obras produzidas no âmbito da Faculdade no século XIX.

Enquanto atividade extensionista, busca também integrar e articular atividades de ensino, pesquisa e extensão, no âmbito do acervo histórico da Biblioteca e Arquivo da Faculdade de Direito do Recife, colocando em prática os conhecimentos teóricos e acadêmicos adquiridos pelos discentes, em perspectiva interdisciplinar e enfatizando a sensibilização quanto ao direito humano à informação e ao conhecimento da nossa memória histórica institucional.

Como potencial de impacto do projeto, tem-se a divulgação mundial na plataforma digital da UFPE, com os dados obtidos da digitalização, conservação do acervo histórico com o devido tratamento e mapeamento, além da logística preventiva contra a perda indeterminada de elementos históricos capazes de revelar o processo de nacionalização do Direito brasileiro, notadamente com a atuação dos docentes da Faculdade de Direito do Recife no século XIX.