Universidade Federal de Pernambuco - Agência de Notícias - Clipping
Júri popular elege brasileira no Dance your PhD PDF Imprimir E-mail

18/11/2017

E adivinha quem levou o primeiro lugar do júri popular deste ano? Foi uma brasileira! A Natália Oliveira, doutora pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), com o trabalho 'desenvolvimento de Biossensores para as Ciências Forenses'.

O musical da Natália mostra de uma forma bem divertida e inusitada como esses elementos funcionam. São pequenos dispositivos com componentes biológicos capazes de identificar o DNA na cena de um crime, mesmo se a superfície tiver sido limpa, ajudando a Polícia a identificar os criminosos!

Link da Matéria 

 

 
Nefrologistas debatem sobre o transplante duplo PDF Imprimir E-mail

17/11/2017

Pelo segundo ano consecutivo, acontece no Recife o Mayo Clinic Nefrofórum 2. O encontro direcionado aos profissionais médicos de nefrologia acontecerá no Salão de Convenções do Real Hospital Português de Beneficência, entre hoje e amanhã, para discutir diversos temas relacionados à prática da especialidade, dentre eles o transplante duplo de fígado e rim e de rim e pâncreas. Organizado pelo RHP, o Instituto de Ensino e Pesquisas Alberto Ferreira da Costa e pelo Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). As inscrições para o evento custam R$ 132 para graduação e R$ 485 para médicos. O cadastramento será feito de forma presencial no primeiro dia do evento.

Sob o selo da Mayo Clinic, a principal instituição norte-americana de ensino, pesquisa e assistência na área de nefrologia, o evento reunirá cerca de 200 pessoas na capital Pernambucana. “Há um contato entre os profissonais de lá e daqui, que permitiu o desenho conjunto do fórum, que já no ano passado trouxe uma solidez ao evento. Teremos discussões nas subáreas de patologia renal, nefrologia e transplante renal”, explicou o coordenador da Unidade de Nefrologia do Real Hospital Português e professor adjunto do Departamento de Medicina Clínica da UFPE, Frederico Castelo Branco Cavalcanti.

A programação do Nefrofórum 2 terá a presença de nove médicos estrangeiros que discutirão assuntos como distúrbios hidroeletrolíticos; glomerulopatias; o metabolismo e a doença renal crônica; e também o transplante renal. Outro assunto de destaque será a importância da Cistatina C, considerada um marcador de insuficiência renal ainda mais preciso que a dosagem de creatinina. Como todos os palestrantes são americanos, vinculados a Mayo Clinic e/ou instituições parceiras, as palestras terão tradução simultânea. “Os especialistas da Mayo Clinic fazem parte de um dos grupos mais fortes também em transplante duplo, uma área que cresce bastante e que tem uma demanda grande no Brasil”, acrescentou Cavalcanti. O evento será dividido em sessões, com palestras e discussões moderadas por dois nefrologistas atuantes em Pernambuco.

A abertura do evento está programada para as 8h30 de hoje, com a outorga da medalha professor William Stanford, seguida da primeira sessão, marcada para as 9h. Serão agraciados com a condecoração que leva o nome do realizador do primeiro transplante renal do Norte-Nordeste, a médica Ivailda Fonseca e o provedor do RHP, Alberto Ferreira da Costa.

Hoje o Nefrofórum o ocorre até as 17h45. Já amanhã, estão programadas três sessões, que ocorrem até as 15h15. As inscrições online estão encerradas, mas ainda podem ser

 

Link da Matéria 

 
UFPE lança campanhas natalinas para arrecadar doações PDF Imprimir E-mail

17/11/17

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) lança, nesta sexta-feira (17), duas novas campanhas natalinas a fim de incentivar as doações. O primeiro, "Projeto Papai Noel Solidário: uma parceria UFPE e Correios”, oferecerá à comunidade acadêmica a oportunidade de adotar cartinhas através da campanha Papai Noel dos Correios 2017.

Já o “Projeto Natal Pé Quente” incentivará a doação de meias usadas, inclusive as com defeitos os despareadas. A iniciativa é uma parceria da universidade com uma loja de meias.

Apenas no ano passado, foram recebidos mais de 2,5 milhões de cartas de crianças em situação de vulnerabilidade social destinadas a Papai Noel, com pedidos de presentes. Este será o segundo ano de parceria entre a UFPE e os Correios.

O “Projeto Natal Pé Quente” visa arrecadar 8 mil meias, que serão transformadas em 100 cobertores, destinados a pessoas carentes. As caixas de coleta das meias ficarão na reitoria e nos centros acadêmicos do Campus Recife da UFPE.

Link da Matéria 

 
2 campanhas para fazer o Natal do próximo mais feliz PDF Imprimir E-mail

17/11/2017

O fim do ano está quaaase aí. Que tal entrar no espírito e ajudar a tornar o Natal de outras pessoas mais legal? 

A Universidade Federal de Pernambuco, em parceria com os Correios e a marca Puket, está com duas ações que apostam no clima bom de fim de ano para espalhar solidariedade por aí: os projetos “Papai Noel Solidário” e “Natal Pé Quente”.

O Papai Noel Solidário traz o tema “É você quem tira esses sonhos do papel” e funciona no mesmo modelo do já consagrado Papai Noel dos Correios.

Basta adotar uma das cartinhas com pedidos natalinos feitos por crianças do Recife, Região Metropolitana e do interior de Pernambuco, comprar o presente pedido e, depois, depositar, junto com a carta, na caixa coletora que está disponível no hall da reitoria, na Cidade Universitária.

As cartas podem ser adotadas por todos – membros da comunidade acadêmica ou não. Os presentes devem ser entregues até o dia 14 de dezembro. 

Natal Pé Quente

O Natal Pé Quente, projeto da UFPE em parceria com a marca Puket, está em busca da doação de meias usadas – inclusive com defeitos e sem par – para transformar o material em cobertores que serão destinados a pessoas carentes.

A meta é arrecadar 8 mil meias para transformar em 100 novos cobertores. As meias também devem ser levadas à Reitoria da UFPE e depositadas na caixa coletora disponível no local até o dia 14 de dezembro. Mais informações através do telefone (81) 2126-8189.

Ótima oportunidade para dar destino às meias sem uso, paradas num canto da gaveta, e ainda ajudar o próximo.

Link da Matéria 

 
Quarteto Variante apresenta concerto no Ouvindo e Fazendo Música PDF Imprimir E-mail

16/11/2017

 

O Quarteto Variante é o próximo grupo a subir, no sábado (18/11), ao palco do Museu do Estado de Pernambuco como parte do projeto Ouvindo e Fazendo Música, do Santander. Formado por alunos do Curso de Música da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), o Quarteto atua desde 2014 na cena musical erudita pernambucana.

Kedma Johnson (violino 1), Jade Martins (violino 2), Alexsandro Castro (viola) e Herlane Franciele (violoncelo), estarão sob orientação acadêmica do Professor Pedro Hu. No show do próximo final de semana, apresentarão repertório variado para mostrar todas as habilidades de suas formações, além das atuações em orquestras e grupos de câmara de Pernambuco.

Outros três shows completam  a programação do Ouvindo e Fazendo Música em 2017. No dia 25/11, o duo de violões de 8 e 7 cordas de Rubem França e Renan Melo levará ao Mepe a música instrumental de grandes mestres da música Brasileira.

Dia 2 dezembro Bruna Mendez apresenta gingado em show que mesclará inuências da MPB, bossa nova, samba, baião e rock. Já o Quarteto de Cordas Eli-Eri encerra agenda do ano, no dia 9/12, com um concerto criado especialmente para ocasião.

SERVIÇOS
Ouvindo e Fazendo Música no Museu do Estado recebe o Quarteto Variante - Sábado (18), às 17h, no Mepe (Av. Rui Barbosa, 960, Graças). Ingressos: R$ 6 e R$ 3(meia entrada). Fone: 3184-3174.

 

Link da Matéria

 
<< Início < Anterior 2261 2262 2263 2264 2265 2266 2267 2268 2269 2270 Próximo > Fim >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL