O GEQUA

O Grupo

PDF Imprimir E-mail
O Grupo de Estudos do Quaternário do Nordeste Brasileiro visa estabelecer uma rotina de pesquisa da dinâmica quaternária das paisagens do Nordeste do Brasil, com base na investigação da produção de sedimentos quaternários, e da gênese dos modelados, com ênfase para o domínio semi-árido. O Grupo busca agregar aos estudos do Quaternário novas geotecnologias que permitam uma compreensão acurada dos eventos formadores do relevo e seus depósitos correlativos. Os estudos direcionam-se à elucidação dos cenários paleogeográficos associados às mudanças ambientais do Quaternário do Nordeste o que também permitirá uma compreensão mais realista do funcionamento dos sistemas de superfície terrestre vigentes. O GEQUA visa ainda estabelecer rotinas de investigação empírica, valendo-se de técnicas em dia com o estado da arte do desenvolvimento dentro das disciplinas envolvidas nas pesquisas realizadas: geomorfologia, sedimentologia, pedologia, paleontologia, geoarqueologia e geocronologia. Os trabalhos do GEQUA estão focados nas análises dos materiais constituintes das formações superficiais, sua distribuição espacial, suas características físico-químicas, seus conteúdos fossilíferos, geoarqueológicos e cronológicos. Os estudos do GEQUA priorizam a investigação empírica mediada pela instrumentação contemporânea, contando com o apoio dos equipamentos instalados no Laboratório de Geografia Física Aplicada da UFPE, do qual o Grupo é integrante. O Grupo busca ser um pólo disseminador de novas abordagens teórico-metodológicas em geociências, além de um difusor de conhecimentos geoambientais que possam ser usados em benefício direto das comunidades inseridas nas áreas de suas pesquisas. Dessa forma, o Grupo integra o Departamento de Ciências Geográficas da UFPE como um núcleo de formação e pesquisa, mas também como um centro propagador de conhecimentos voltado para a conscientização ambiental em nível local, a partir da aferição da dinâmica dos sistemas de superfície terrestre ao longo do Quaternário.